Receitas

Não se reprima: perca o medo do quiabo, jiló e outros vegetais polêmicos

Do UOL, em São Paulo

28/07/2015 07h00

Temidos, rejeitados, mal amados: alguns vegetais parecem concentrar o desgosto de boa parte do público. Jiló pouca gente encara porque é amargo, enquanto a baba do quiabo é motivo de pânico para outros. O chuchu, por sua vez, ganha fama de insípido enquanto a mandioquinha, pesadelo infantil, parece assombrar também o paladar de muitos adultos.

Mas saiba que é possível, sim, cozinhar quiabo sem visco, jiló sem tanto amargor e chuchu com sabor. O segredo está no preparo e nos temperos. Quer saber como? Veja a lista abaixo e se prepare para fazer amizade com ingredientes antes vistos como "traumáticos".

  • Imagem: Bruno Miranda/Folhapress
    Bruno Miranda/Folhapress
    Imagem: Bruno Miranda/Folhapress

    Jiló

    Jiló é sinônimo de situação complicada por conta de seu sabor amargo. Para aliviar um pouco o gosto, uma sugestão é cortá-lo e deixar de molho em água salgada por quinze minutos. Outra sugestão é variar o preparo: frito, por exemplo, ele não fica com amargor tão pronunciado.

  • Imagem: Niels Andreas/Folhapress
    Niels Andreas/Folhapress
    Imagem: Niels Andreas/Folhapress

    Quiabo

    Se o problema é a baba do vegetal, não há segredo: é preciso seca-lo antes de adicionar ao prato. Experimente cortar as pontas do quiabo e deixar de molho por meia hora em água com suco de limão. Depois, é só lavar bem e preparar ao gosto: ele fica bem cozido, refogado, assado ou grelhado.

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Chuchu

    O segredo do chuchu está primeiro na escolha do ingrediente: quanto mais escura a casca, mais forte o sabor. Para cozinhar, aposte na combinação de temperos: ervas aromáticas, como tomilho, dão outro toque para o legume tido como sem graça. E preste atenção na panela: quanto mais tempo o chuchu ficar cozinhando, mais ele perde seu sabor. Se preparar no vapor, por exemplo, dez minutos já bastam.

  • Imagem: Lucas Lacaz Ruiz/Folhapress
    Lucas Lacaz Ruiz/Folhapress
    Imagem: Lucas Lacaz Ruiz/Folhapress

    Mandioquinha

    Também conhecida como batata salsa ou batata baroa, ela tem poucos segredos para ficar gostosa e sem grumos. Na hora de escolher no mercado, prefira os tubérculos de coloração amarela intensa. Tome cuidado também com o tamanho: as mandioquinhas menores são mais tenras e cozinham melhor. E para descascar melhor, dispense a faca: raspe a casca com uma colher para resultados melhores.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Receitas

Topo