Receitas

Supere o medo de infância e aprenda a cozinhar (e gostar de) couve-flor

Anna Fagundes

Do UOL, em São Paulo

21/07/2015 07h00

Couve-flor não costuma, nem de longe, figurar no topo dos pratos favoritos das crianças -e nem na lista de muitos adultos, na certa traumatizados por um vegetal malcozido e sem gosto servido na hora do jantar.

Acredite: o vegetal de textura delicada pode render bem mais do que um prato de ensopado ou um gratinado do qual só se salva o queijo. Qual o segredo para lidar com esta parente dos brócolis e da couve? Cuidado para escolher e para cozinhar. 

Veja abaixo os truques para dar para a couve-flor o tratamento que ela merece --e perder de vez o trauma de infância.

Couve-flor: como comprar, guardar e preparar

  • Imagem: Thinkstock
    Thinkstock
    Imagem: Thinkstock

    Como comprar

    Com safra entre maio e outubro, a couve-flor ideal deve ser branca ou creme, de textura firme e talos brilhantes. Quanto mais brancos os floretes, mais fresca é a planta. Descarte as que tiverem manchas escuras nos floretes, sinal de que já não está tão fresca. As folhas devem estar verdes, firmes e em bom estado, sem manchas ou buracos.

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Na hora de guardar

    O vegetal é extremamente delicado. Se for comprar o ingrediente em bandejas, com os floretes já separados, mantenha refrigerado e use na mesma semana. Caso tenha adquirido a couve-flor inteira, não precisa lavar com antecedência: isso deteriora o ingrediente. Mantenha na geladeira, dentro de um saco plástico, e remova eventuais pontos escuros para que eles não se espalhem pelo resto da couve-flor. Utilize em até uma semana.

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Cozinhando

    Lave os floretes apenas antes de cozinhar. Para que a couve-flor não desmanchar, o ideal é cozinha-la em água fervendo de cinco a dez minutos. Elas também podem ser preparadas no vapor, cozidas por cinco minutos. Para saber se a textura está boa, espete a base dos floretes com a ponta de uma faca -

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Combina com o quê?

    Por conta de seu sabor leve, a couve-flor é ótima base para pratos com molhos. Ela também faz muito sucesso assada no forno com especiarias e servida empanada (nos dois casos, lembre-se de branquear o vegetal em água fervendo de dois a cinco minutos antes de empanar ou levar ao forno). Para ir além do gratinado com molho branco, aposte em temperos como alho, pimenta, curry ou manteiga derretida, ou ainda em acompanhamentos como molho de tomate ou servida com amêndoas tostadas.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Receitas

Topo