Receitas

Restaurante mineiro em São Paulo tem carta de pimentas

Léo Feltran
Sócio e chef do Casinha Mineira, Pablo Horta criou diferentes molhos e conservas com cinco diferentes espécies Imagem: Léo Feltran

Joana Santana

Do UOL, em São Paulo

16/07/2013 17h48

Além de mais de 80 rótulos de cachaças especiais, o restaurante Casinha Mineira conta com outro inusitado cardápio. Criada pelo sócio e chef Pablo Horta, a Carta de Pimentas da casa traz cinco variedades da especiaria em diferentes preparos.

"Trabalhamos com cumari, dedo-de-moça, bode, biquinho e malagueta, e temos um molho e quatro diferentes conservas, com azeite ou com cachaça", enumera Horta. Segundo ele, todas elas harmonizam com os pratos da casa, que seguem a tradição mineira. "Vai do paladar de cada um", garante.
 
Para quem faz questão absoluta do ardor, Horta recomenda as preparações de malagueta. Para quem gosta mais de apreciar o sabor do que sentir a ardência, a sugestão é a cumari. Já aqueles que se interessam apenas pelo aroma, devem ir de biquinho.

Mas o carro-chefe da carta é a Especial do Casinha, uma conserva de cumari, dedo-de-moça e bode em cachaça de alambique, azeite e alho. Vai encarar?

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Receitas

Topo