Receitas

Cachorro-quente ganha versão de luxo nos Estados Unidos

Divulgação
Hot dog à la Française, criação do chef Raphael Despirite, leva mostarda Dijon e queijo gruyère Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

22/10/2013 17h07

Um dos sanduíches preferidos das festas de aniversário e da porta dos estádios está ganhando roupagem chique nas mãos de chefs estrelados.

O cachorro-quente do lanche virou atração principal na mão de chefs como Daniel Boulud, que carrega três estrelas no famoso guia “Michelin”. Em um de seus restaurantes em Nova York, o Epicerie Boulud, o chef incluiu uma versão do sanduíche com salsicha alemã, molho e pão caseiro –que sai por US$ 7,50 (cerca de R$ 16).

Outros exemplos de hot dogs com grife são os sanduíches servidos no The Cecil, brasserie disputada na região do Harlem, em Nova York. Por US$ 17 (cerca de R$ 36), os frequentadores recebem uma dupla de cachorros-quentes, um com salsicha de vitela com molho senegalês yassa (feito com cebolas, mostarda e limão), e outro com recheio de queijo e chili con carne mexicano (prato à base de carne moída e molho de tomate).

Por sua vez, a rede canadense Japadog investiu em cachorros-quentes com toque japonês bem distinto: por cima de salsichas importadas feitas com porco Kurobata, são servidos condimentos como repolho frito, molhos teriyaki ou tonkatsu, ou ainda flocos de dashi (peixe desidratado). Os carrinhos da rede estão espalhados em sete endereços no Canadá e chegaram a Nova York no segundo semestre deste ano.

No Brasil, o chef Raphael Despirite, do restaurante Marcel, chamou a atenção ao criar um cachorro-quente com ingredientes franceses para eventos. A versão “à la française” do sanduíche leva queijo gruyère, molho bechamel e mostarda Dijon, chegou a ser servida no restaurante durante um festival de sanduíches este ano.  

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Receitas

Topo