Receitas

Candomblé e tradição inspiram menu de restaurante no Recife (PE)

Anna Fagundes

Do UOL, em São Paulo

15/07/2014 17h12

Carmem Virgínia dos Santos não é só chef de cozinha. Ela é yabassé, a cozinheira dos orixás. Encarregada desde a infância de preparar toda a alimentação que envolve os rituais do candomblé em um terreiro no Recife, Carmem agora divide seu conhecimento com o público no restaurante Altar, Cozinha Ancestral, unindo os sabores da culinária africana e os temperos pernambucanos. 

No Altar, os clientes encontram clássicos da culinária local com toques diferentes. O conhecido acarajé, por exemplo, vem com vatapá de bacalhau e molho nagô (à base de dendê e cachaça). Outro prato da casa é o Peixe à Inajá, feito com molho de coco com acaçá (prato de milho branco que é oferecido aos orixás) recheado com queijo coalho e banana. "Aqui eu pratico a cozinha de raiz, de herança ancestral", explica a chef.

Depois de manter um bufê e de preparar refeições em casas conhecidas de São Paulo, como o Bar da Dona Onça e o Dalva e Dito, o foco da chef é a cozinha do Altar, que se prepara para novidades para celebrar nesta próxima quarta-feira (16) o dia de Nossa Senhora do Carmo -ou, na equivalência do candomblé, dia de Oxum.

Para celebrar a data, a chef irá preparar pratos relacionados ao orixá, tudo com seu toque pessoal. Um dos itens do cardápio é o Omolucum (à base de feijão fradinho, camarões secos, ovos cozidos e azeite de dendê), servido com cauda de lagosta ao molho creole, feito com com leite de coco, rum, curry e cebolas.  

O prato é batizado como Omolucum à Moda Spinelli, em homenagem à cantora pernambucana Karynna Spinelli, que fará parte das celebrações. "A minha comida só é boa porque tenho a inspiração de todo mundo", explica a chef. 

Visita ilustre
Outra novidade para os próximos meses é uma visita do casal de chefs Jefferson e Janaína Rueda, respectivamente responsáveis pelos restaurantes Attimo e Bar da Dona Onça. "Janaína é a luz de minha vida, a figura feminina de quem mais gosto", conta Carmem. 

A chef guarda segredo sobre o prato especial que irá preparar com a dupla paulista - ideia dela com execução e temperos de Jefferson - mas avisa que a famosa feijoada da Dona Onça e pratos com porco do Attimo estarão no menu servido em Pernambuco. "Ninguém sabe tratar o porco melhor do que Jefferson", diz Carmem. "Acho que deveria até ter um título honorário, algo como rei do porco!"

SERVIÇO
Altar Cozinha Ancestral

R. Francisco Jacinto, 368, Recife, PE
Tel. (81) 3097-3548 e (81) 9800-1090
De terça a domingo, das 12h às 21h

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Receitas

Topo