Receitas

Cinco fatos sobre a berinjela para você acertar no preparo

Joana Santana

Do UOL, em São Paulo

26/04/2015 07h00

Pode ser empanada, frita, assada, grelhada, refogada e em conserva. Pode ser recheada ou servir de recheio, na entrada ou no prato principal. Como se não bastasse a versatilidade na cozinha, a berinjela ainda é saudável e pouco calórica. Com tantos atributos, não é surpresa que esse fruto tenha deixado a Índia, de onde é original, para conquistar o mundo. 

Mas para extrair o melhor da berinjela, é bom entender melhor suas características e ter uns truques debaixo da manga. A seguir, cinco dicas para nunca mais errar no preparo.
 

Berinjela sem segredo

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Mas é berinjela ou beringela?

    Isso não influencia no sabor do ingrediente, mas é bom tirar a dúvida do caminho. Embora o Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa, da Academia Brasileira de Letras, determine a forma com "J", a rigor ambas podem ser utilizadas. Bem, pelo menos é o que concluímos, já que os dicionários Michaelis e Aurélio grafam berinjela, enquanto o Houaiss prefere beringela, como é também em Portugal.

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Como escolher

    Para nós é berinjela; escolha a sua forma e siga em frente. Agora, para escolher os melhores frutos no mercado verifique se a estrutura está firme e se a casca está lisa e brilhante, o que garante que estejam novos. Prefira as berinjelas que parecem pesadas para o seu tamanho, o que significa que a polpa está íntegra. As cores variam do roxo ao preto, mas existe também a rara espécie branca.

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Para não amargar

    Não é impressão sua: as berinjelas andam amargando cada vez menos graças ao cultivo selecionado. Ainda assim, os truques ajudam. Os mais comuns são mergulhar as fatias em água com sal, vinagre ou limão por alguns minutos, mas o fruto pode absorver líquido. O ideal é espalhar um pouco de sal sobre os pedaços de berinjela dispostos em uma peneira ou escorredor e deixar escorrer por 15 minutos.

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Para não encharcar

    A mesma textura esponjosa que permite à berinjela incorporar líquidos e ficar tão boa em molhos e ensopados acaba prejudicando o fator crocância em outros tipos de preparo. Sempre que for fritá-la, empane antes em algum tipo de farinha, para que se forme aquela casquinha protetora. Além disso, a fritura deve ser por imersão e em óleo muito quente, para que seja o mais rápida possível.

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Para uma cocção homogênea

    Nos preparos em que a berinjela deve ser assada sem líquidos, a cocção corre o risco de ficar irregular, com partes mais cruas. Isso também se deve à textura esponjosa desse fruto. Quando possível, em ratatouilles ou à parmegiana, por exemplo, pique em cubos pequenos ou fatias finas. Quando for assá-las inteiras, no entanto, faça talhos na polpa para ajudar a conduzir e distribuir o calor.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Receitas

Topo