Receitas

De caveira a frigideira, veja as tatuagens cheias de significados dos chefs

Fernanda Meneguetti

Do UOL, em São Paulo

23/07/2015 07h00

"Guarde a grana dessa tatuagem de cutelo no pescoço e vai viajar e comer, referência é mais importante que atitude". Esta era uma das dicas para os alunos de faculdade de gastronomia de Raphael Despirite, do restaurante Marcel. A brincadeira - com muito fundo de verdade - foi compartilhada no Instagram e no Facebook do chef e teve centenas de curtidas.

Não se engane: apesar da crítica, Despirite tem tatuado na perna direita "42,195 km" – a distância de uma maratona, coisa que ele já correu duas vezes, uma em Paris e outra em Buenos Aires. "A ideia foi fazer o pessoal se ligar que mais importante que criar um personagem de cozinheiro bad boy é criar bases de conhecimento", justifica ele.

Também nas redes sociais, Alex Atala, o chef mais (re)conhecido do país, vazou sua última tatuagem: uma baleia tentando devorar uma lula. O cozinheiro já havia exibido suas tattoos em diversas matérias e, em 2012, em foto da exposição "Na pele".

Entre as marcas conhecidas do cozinheiro do D.O.M., uma espinha de peixe - assim como o Thiago Koch, da recente e já hypada hamburgueria Bullguer. "Tenho uma espinha de peixe que curto muito. Eu nunca tinha visto em nenhum lugar, e o próprio tatuador curtiu, também não tinha visto ainda", defende-se Koch. Ok, Atala é exemplo para as novas gerações...

Ne regrette rien?

Arquivo pessoal
Com pinta de bad boy, Henrique Fogaça, já perdeu a conta das tattoos Imagem: Arquivo pessoal

"Nunca me arrependi, minha personalidade é refletida nas tatuagens. Tudo que tenho no corpo é relacionado a um período, inclusive tem muita coisa relacionada à cozinha, tem uma cabeça de alho, tem o logo da minha primeira marca, entre outras", revela Henrique Fogaça.

De fato, é difícil pensar no chef do Sal Gastronomia e jurado do reality "MasterChef" e não lembrar das marcas que quase invadem seu rosto. Outro chef que também expõe os desenhos na telinha, no caso no "The Taste Brasil", é André Mifano: "Nunca vou me arrepender. Cada tattoo conta uma história, são além de adereços recordações".

Em compensação, a inquieta Renata Vanzetto não pode dizer o mesmo. Precoce, aos 12 anos, pediu para um amigo tatuar uma estrela no pulso. Além de ter quase matado a mãe de desgosto, Henrique Benedetti compartilha o sentimento da colega. Chef de eventos de Alex Atala por anos, assumiu o Obá e, este ano voltou à sua cidade natal, Poços de Calda, para abrir o Olivia.

Das 12 tatuagens se arrepende da primeira, um dragão: "Tinha 18 anos e fiz na cintura. Por medo dos meus pais descobrirem, fiz pequena. Me arrependo de ter feito tão pequena e também dela ter sido meio amadora e estar borrada".

Carapuça sem mimimi 

Arquivo pessoal
André Mifano parou de contar desde a 30ª tatuagem Imagem: Arquivo pessoal

Chef tatuado virou um clichê? Mifano insiste em uma questão histórica: "Na década de 50, a maior parte da mão de obra das cozinhas nos Estados Unidos era de ex-presidiários já tatuados. Na época os cozinheiros viviam nas beiras da sociedade e por isso se diferenciavam do resto se marcando. Essa prática foi se tornando comum. Hoje em dia é só moda mesmo, poucos cozinheiros novos dedicam seu tempo a estudar e entender o que cerca nossa profissão".

"Em 15 anos tenho influenciado muita gente através da minha cozinha e estilo de vida, pois tenho banda, moto, tatuagem, faço esporte... Pessoas que não têm identidade definida acabam se identificando comigo e se tatuam. E isso é ótimo, pois quebra preconceitos na sociedade", acredita Fogaça.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Receitas

Topo