Topo

Vinhos


Vinho com gelo e outras ideias para se refrescar com a bebida no calor

Getty Images
Imagem: Getty Images

Anna Fagundes

Do UOL

2017-09-21T04:00:00

21/09/2017 04h00

Com o verão se aproximando, é hora de deixar os vinhos de lado? Nem pensar! A bebida pode muito bem acompanhar dias mais quentes à beira da piscina -- na forma de drinques como sangria e clericot ou na taça, com ou sem gelo. Quem tira as dúvidas sobre o assunto é o sommelier Rodrigo Bertin, do curso online Vinho Mais Fácil.

Quais vinhos são mais indicados para dias quentes?

Vinhos mais leves de graduação alcoólica mais baixas (menos de 12,5%, de preferência) e que possam ser gelados ou resfriados para o consumo. A temperatura ideal para vinhos brancos, rosés ou espumantes leves é para ser bastante gelada, por isso o balde de gelo pode ajudar muito. Mas, no caso dos vinhos tintos, devemos nos preocupar um pouco mais, pois os tintos leves podem ser consumidos entre 10°C a 12°C no mínimo. Deixar a garrafa no balde de gelo pode fazer com que gele demais. A solução para esses casos é colocar apenas o fundo da garrafa no gelo, e não deixá-lo submerso por completo no balde.

Pode beber vinho com gelo no copo? Quais?

Alguns rosés e espumantes são desenvolvidos para consumir com gelo. A moda começou na França e se tornou tendência ao redor do mundo. Normalmente esses produtos são da categoria semi-seco, ou seja, levemente adocicados. Não é todo vinho que pode ser servido com gelo na taça -- tintos, por exemplo, não são boa escolha, tampouco brancos ou rosés mais pesados. Prefira fazer isso com vinhos e espumantes bastante leves. E, se vai para a beira da piscina com os bons drinques, taças de acrílico resolvem bem a questão sem desprestígio.

Quais os melhores vinhos para fazer sangria e clericot?

Sangria (drinque espanhol à base de vinho tinto e frutas) e clericot (à base de vinho branco ou de espumantes) são duas maneiras de aproveitar a bebida e ainda se refrescar em dias mais quentes. Use rótulos mais leves -- quanto mais aromáticos, melhor. Para a sangria, invista em uvas Tempranillo, Garnacha, Bonarda e Nero D’Avola. Já para o clericot, procure vinhos feitos com uvas Sauvignon Blanc, Torrontes, Riesling, Gewurztraminer e Pinot Grigio.

Com quais pratos podemos harmonizar os vinhos em dias quentes?

Pratos leves, como saladas, peixes, carnes pouco condimentadas e frutas são boa combinação para enfrentar o calor. O vinho realça o sabor da comida, limpa nossas papilas gustativas e nos ajuda na digestão, sem nos deixar com sensação de estômago estufado nem pesado.