menu
Topo

Receitas

Como montar a marmita perfeita e escolher comidas saudáveis para levar

iStock
Imagem: iStock

Juliana Bianchi

Colaboração para o UOL

05/02/2018 04h00

Tendência não apenas pela questão econômica, mas também para comer de forma mais saudável, levar marmita para o escritório já virou prática comum independentemente do setor ou cargo que se ocupe. Mas para não desistir logo, algumas regras devem ser postas em prática da montagem do cardápio à hora de comer.

O primeiro passo é listar os alimentos e pratos de que mais gosta e escolher em que dia da semana levará cada um. Garanta que você sempre terá na marmita algo mais interessante e saboroso do que o oferecido nos restaurantes próximos ou no bandejão da empresa.

Veja também:

Prefira pratos com molho e evite frituras

Na hora de escolher o menu, prefira pratos com molho, que garantirão maior umidade mesmo com o passar do tempo, e evite frituras ou pratos muito secos. “Por mais que a fritura seja bem feita, depois que esfria, a gordura saturada não fica com uma textura legal na boca. E, no caso dos empanados, a umidade dos demais alimentos tenderá a murchá-los”, explica o chef Leo Botto, responsável pelo menu e pela montagem dos pratos do aplicativo de delivery Garfo. Uma dica para minimizar o problema é embrulhar batatas ou mandiocas fritas, por exemplo, em papel-manteiga, fazendo pequenos furos para que haja troca de ar, e levá-las separadamente, de preferência em um saquinho de papel.

iStock
Folhas cruas ajudam a separar os alimentos dentro do recipiente de transporte Imagem: iStock

Faça pequenas porções

Prefira preparar carnes em pequenas porções, como iscas. “Alimentos muito sólidos e grandes são difíceis de manejar na marmita”, afirma o chef Joel Ruiz, responsável pela cozinha e o serviço de delivery do restaurante Espírito Santo. A regra também vale para legumes e folhas.
 

Preste atenção ao ponto 

No caso de peixes, massas, ovos e legumes cozidos, fique atento ao ponto durante o preparo, preferindo interrompê-lo sempre um pouco antes do usual. O calor concentrado nos potes após a montagem com a comida ainda quente ou do reaquecimento cuidará para que tudo fique mais cozido até você comer.

Umedeça antes de aquecer 

Quando houver pouco molho, acrescente uma colherzinha de água filtrada sobre cada item da marmita antes de colocá-la no micro-ondas para que a umidade perdida no caminho seja restaurada. “Mas sempre que possível reaqueça no fogão. O resultado é diferente. Vale a comparação”, indica Ruiz.
 

Tempere com ervas 

Para tapear o cheiro forte de alguns alimentos, invista em ervas aromáticas para temperar e em molhos, que “abafam” o aroma.
 

Capriche na montagem

Acomode salada, molhos, pães e farofas em diferentes potes para que não percam suas texturas originais. Para os alimentos quentes, invista em uma embalagem com divisórias internas que possa ser levada ao micro-ondas. Se não houver nichos, folhas cruas de alface americano, acelga ou couve podem servir de separação, assim como purê e arroz. Assim, você evita que os alimentos se misturem durante o transporte e virem uma maçaroca.

Faça a salada por último 

Monte as saladas pouco antes de sair de casa, especialmente as com folhas lavadas e secas. Prefira tomates-cereja inteiros. Capriche nos legumes mais firmes, como cenoura, beterraba e rabanete, nas sementes e grãos, que têm resistem mais e já podem ir temperados. Folhas tendem a estragar mais rapidamente em contato com a acidez do molho -- então deixe para temperá-las na hora.
 

Não coma na mesa de trabalho

Faça da hora da refeição um momento especial. Evite comer na mesa de trabalho até mesmo para não contagiar o ambiente com o cheiro da sua comida e incomodar os outros. Escolha um local calmo e arejado, de preferência na companhia de colegas queridos. E não se esqueça de jogar o que restar no lixo. 

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Receitas