Chefs se unem em defesa da gastronomia brasileira em associação que será lançada em maio

Do UOL, em SP

  • Divulgação

O Grupo de Turismo Gastronômico, inciativa de chefe e profissionais de gastronomia brasileiros, será lançado oficialmente durante o próximo Festival Gastronômico de Visconde de Mauá, nos dias 18, 19 e 20 de maio.

O grupo reúne integrantes das esferas públicas como Ministério do Turismo, Embratur e Sebrae e chefs de cozinha. Os cozinheiros participam por meio da Associação Brasil à Mesa – em fase final de criação - que terá como objetivo preservar, desenvolver e promover em diversos âmbitos a cultura culinária brasileira e seus autores. “Conseguimos uma grande vitória em prol da gastronomia do Brasil”, comenta Mônica Rangel, do restaurante Gosto com Gosto, em Visconde de Mauá.

Liderada por Mônica, a associação conta com a participação de mais de 20 chefs de 12 estados brasileiros e ainda deve receber o apoio de mais profissionais do setor. A intenção é que a associação se reúna periodicamente para pensar estratégias e ações.

Hotéis estrelados
Este é o primeiro passo para um estreitamento de laços entre o governo federal e uma entidade representativa de profissionais do mercado brasileiro que trabalham exclusivamente com a valorização da gastronomia regional do Brasil. “Nossa ideia é fazer valer a tradição cozinha brasileira tanto aqui dentro, quanto fora do Brasil”, conta Mônica.

A discussão começou quando Mônica tomou conhecimento do documento, de julho de 2011, que instituiu o SBClass (Sistema Brasileiro de Classificação de Meios de Hospedagem). Entre os pontos do documento questionados pela chef, estava o que determinava que para ser considerado um hotel estrelado o estabelecimento teria que, além de regras como equipe bilíngue, contar com um restaurante de cozinha internacional. Segundo este documento, acreditava-se que o Brasil não tinha pratos suficientemente fortes para representar a cozinha local.

A inquietação da chef culminou em um contato direto com o presidente da Embratur, Flávio Dino e também com o diretor do Departamento de Estruturação, Articulação e Ordenamento Turísticos do MTur, Ricardo Moesch. Após alguns encontros, em janeiro deste ano, as instituições federais convidaram a chef para colaborar diretamente na promoção, preservação e desenvolvimento da gastronomia brasileira, por meio do Grupo de Turismo Gastronômico.

Mas depois de muita manifestação, abaixo-assinados e apoio de nomes fortes da gastronomia nacional como Roberta Sudbrack, Carla Pernambuco e Rodrigo Oliveira, o grupo está finalmente sendo criado.

UOL Cursos Online

Todos os cursos